quinta-feira, 28 de outubro de 2010

O QUE É DIDATICA GERAL

Universidade Federal do Amazonas
Faculdade de Educação
Departamento de Métodos e Técnica
Didática Geral

Nome: Betilsa soares da Rocha
E-mail: @gmail.com
Curso: Licenciatura em Artes Plásticas
Professor: Guilherme Pereira Lima Filho
Unidade: ICHL
Enunciado: Ficha de leitura do texto “A final o que é didática geral?

TÍTULO DA PUBLICAÇÃO:
AFINAL: O QUE É DIDATICA GERAL? A didática é uma disciplina pedagógica, um ramo da pedagogia (...) é uma matéria de estudo e um instrumento de trabalho docente que se ocupa de investigar as relações entre o ensino e a aprendizagem. Ela faz a ponte entre a teoria pedagógica e a prática educativa escolar. Inclui, portanto, a reflexão teórica proporcionada pela teoria pedagógica e os elementos científicos e as características do processo de ensino no seu conjunto e das suas peculiaridades conforme cada matéria de ensino (Libâneo, 1989).


AUTOR (ES): JOSE CARLOS LIBÂNEO

LOCAL ONDE SE ENCONTRA: DATA DE PUBLICAÇÃO: maio de 2002 EDIÇÃO:
Em Didática LOCAL DE EDIÇÃO:
São Paulo
EDITORA:
IFCE –Instituto a Formação Continuada em Educação.
TÍTULO DO CAPÍTULO OU ARTIGO: A Constituição do objeto de estudo da Didática - contribuição das ciências da educação.


COTA: Nº DE PÁGINAS:
12 páginas ASSUNTO: Didática Geral
PALAVRAS-CHAVE:
Fundamento pedagógico didático, metodologia educacional; educador no papel de mediador; cognição e interação;
DATA DE LEITURA:
ÁREA CIENTÍFICA:
SUB-ÁREA CIENTÍFICA:
OBSERVAÇÕES:

NOTAS SOBRE O AUTOR:
LIBANEO, José Carlos
LIBANEO, José Carlos Biografia José Carlos Libâneo, nasceu em Angatuba, interior do estado de São Paulo, em 1945 e fez seus estudos iniciais e o ensino médio no Seminário Diocesano de Sorocaba (SP).Graduou-se em filosofia na PUC (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo), em 1966. “MESTRE” da educação escolar brasileira concluído em 1984 e “DOUTOR” em educação, posteriormente. Sua dissertação de mestrado em filosofia da educação mostra sua preocupação com as práticas pedagógicas. Em sua tese de doutora-mento, deixa isso claro e examina sobre os fundamentos teóricos e práticos do trabalho docente. Libaneo é bastante conhecido no meio educacional pelas profundas contribuições teóricas que produz na área. Articula uma reflexão crítica sobre a natureza histórico- social dos conteúdos de ensino e a própria didática de transmissão destes conhecimentos. Ele ensina pesquisa e escreve sobre assuntos de teoria da educação, Didática, política Educacional e Escola pública.


RESUMO / ARGUMENTO:
O artigo discute um novo conceito para "Didática Geral", analisando o impacto do mesmo na concepção de aula.

ESTRUTURA (organização da obra e o significado das suas partes)
Introdução / Apresentação:
O autor introduz o texto abordando a questão das tensões existentes hoje no campo da educação entre a exigencia social de escolarização formal a todas as crianças e jovens e a necessidade de as escolas se organizarem a diversidade social e cultural que demarca as diferenças individuais e sociais entre os alunos. Dado que as escolas precisam possibilitar aos alunos o acesso ao conhecimento e desenvolvimento de capacidades intelectuais considerando, ao mesmo tempo, suas necessidades individuais e sociais.
Desenvolvimento:
O texto descreve conceitos sobre o que seria Didática Geral, como por exemplo: A análise do ato didático destaca uma relação dinâmica entre três elementos - professor, aluno, matéria - a partir dos quais são feitas as clássicas perguntas: O que ensinar? Para que ensinar? Quem ensina? Para quem se ensina? Como se ensina? Sob que condições se ensinam? (Libâneo, 1994).

Síntese

O texto aborda a didática geral sendo mais do que um conceito recorrente: representa, a cada momento, no tempo histórico, a complexidade dos processos pedagógicos, Segundo Karl Stocker, pedagogo alemão (1964), “o processo didático (...) tem seu centro no encontro formativo do aluno com a matéria de ensino”. É da natureza da didática investigar os nexos e relações entre o ato de ensinar e o ato de aprender. Desse modo, o entendimento atual em boa parte das teorias do campo científico da didática é ver o ensino como atividade de mediação para promover o encontro formativo, educativo, entre o aluno e a matéria de ensino, para cuja compreensão se junta às teorias do ensino, as teorias do conhecimento, as ciências auxiliares da educação e a epistemologia das disciplinas ensinadas.

Pontos fracos e fortes do documento

Pontos fortes:
O texto faz uma analise ampliada da problemática da formação de professores e alunos.



Pontos fracos:
Por não esta explicita os temas polêmicos como a escola ideal e a real;
A impressão que tenho em relação a alguns professores é que eles têm um salto alto demais e agem como se estivessem em uma universidade européia acreditando em uma realidade ilusória.

Conclusão:
A Didática Geral vem contribuir de forma significativa para a educação, desde que seja utilizada de forma adequada e não seja vista como a “solução” para os problemas educacionais, mais sim, como um suporte para o desenvolvimento e aprimoramento deste processo que é a educação.
AUTORES/PERSONAGENS/ESCOLAS DE PENSAMENTO
Principais Autores Citados ou eventuais Protagonistas identificados no texto:
Klingberg (1988:32), Vicente Benedito, espanhol (1987), (Lajonquiere,1992), (Castorina,1994)
Escolas de pensamento mencionadas no texto
Pedagogia Crítico-Social dos Conteúdos.


REFERÊNCIAS HISTÓRICO-CULTURAIS (tempo, espaço, factos históricos: contextualização).

Até o final do século XIX e início do XX,

RECURSOS DE ESTILO E LINGUAGEM (forma, conteúdo, nível de rebuscamento e de profundidade científica, etc.).
O texto é um artigo que está dividido e subdivido em vários tópicos,

CONCEITOS (temas, problemáticas)
 A didática é a teoria e a prática do processo de ensino. É uma disciplina unitária, incluindo em seu campo de estudos a didática, as didáticas especificam, as metodologias especificam de ensino e a prática de ensino.
 O centro do trabalho didático é o conhecimento, pois o ensino tem por função ajudar o aluno a desenvolver seu próprio processo de conhecimento
 A didática, as didáticas específicas, as metodologias e as práticas de ensino têm a mesma tarefa: explicitar o processo docente do conhecimento por meio da investigação das leis e regularidades desse processo, da determinação de conteúdos da cultura, da ciência e da arte, a serem ensinados, dos métodos de sua transmissão e assimilação, das formas de desenvolvimento da personalidade do aluno.
 Didática estuda as relações entre o ensino e a aprendizagem. Ela consiste nos modos e condições de assegurar aos alunos a interiorização, pelo processo de comunicação docente, dos conhecimentos sistematizados e o desenvolvimento de suas capacidades mentais.


DISCIPLINA: ¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬Didatica Geral PROFESSOR(A): Guilherme Pereira Lima Filho
e-mail: guilherme@ufam.edu.br guilhermme31@gmail.com
ALUNO (A): Betilsa Soares Da Rocha
Curso: (Noturno) Turma 02 Mat. 20902216 ¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬¬Período: 4ª

Nenhum comentário:

Postar um comentário